Adeus, Windows XP

Este 8 de abril será o último dia do suporte ao Windows XP. Ou seja, daí pra frente, nada de atualizações e pacotes de segurança. Adeus a drivers e suporte a hardware. Enfim, foi bom enquanto durou…

Lembro que na época do lançamento, no início dos anos 2000, o XP foi revolucionário. Depois dos Windows 95 e 98 – que incorporavam recursos multimídia – e do fracassado Windows ME (Millenium Edition), a Microsoft colocava no mercado um sistema mais adaptado para as redes e a internet. Incorporando tecnologias do NT – versão do SO voltada para servidores – chegou às prateleiras o Windows XP (de eXPerience).

Com o fim do Windows XP, meu netbook vai virar máquina de escrever.

O que significa o fim do suporte ao Windows XP? Que meu netbook vai virar máquina de escrever.

E, de fato, no seu tempo, usar o XP foi uma experiência. Não apenas pela maior facilidade de acessar as redes, mas também pela estabilidade do sistema. Pra quem estava acostumado com a “tela azul da morte” nos Windows 9x, poder matar os aplicativos travados pelo Gerenciador de Tarefas – sem ter que reiniciar o computador – já era uma grande coisa.

Talvez por isso o XP tenha conquistado tantos adeptos até hoje. Inclusive uns teimosos, como eu. Ainda tenho ele instalado num netbook Atom com 1GB de RAM. Não quis instalar outro sistema pra não sobrecarregar um hardware já meio obsoleto. Agora, não tive como fugir da obsolescência. O software perdeu o prazo de validade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s